Mídias sociais pra pequenas empresas

Mídias Sociais para Pequenas Empresas: Guia Completo Passo a Passo

Mídias Sociais para Pequenas Empresas: Guia Completo Passo a Passo

Iniciar nas redes sociais pode parecer uma tarefa difícil para pequenas empresas. Mas a verdade é que você não precisa conseguir um milhão de seguidores ou ter uma grande campanha de marca para fazer uso efetivo dessas plataformas – que te um custo bastante baixo e atrativo.

As mídias sociais são a melhor forma para se conectar com fãs e potenciais clientes. Se você não tem uma presença digital nos principais canais, você pode estar perdendo uma audiência que já está pronta e querendo se conectar com a sua marca – por isso as mídias sociais para pequenas empresas são tão importantes.

Estratégias práticas de mídias sociais para pequenas empresas não precisam ser assustadoras ou caras. Com algumas dicas simples, empresas de odos os tamanhos podem alcançar seus públicos, construir sua reputação e, claro, aumentar suas vendas.

Plano passo a passo de mídias sociais para pequenas empresas

Para facilitar, separamos nosso plano em pequenos passos para você começar a implementar hoje mesmo na sua empresa. Vamos lá:

1. Comece com um plano

Toda boa estratégia de negócios começa com um plano. Mídias sociais para pequenas empesas não é diferente; Sendo que tratam-se de plataformas fáceis de usar e que você pode começar gratuitamente com postagens orgânicas, você talvez sinta-se tentado a já colocar a mão na massa e começar a postar.

Porém, sem um plano, você não tem como saber o que você está tentando alcançar com as suas postagens nas redes sociais, e não tem como mensurar quando chegar lá. Tirar um tempo para criar um plano para as mídias sociais já no início irá assegurar que todos os seus esforços suportarão suas metas específicas.

Para seguir seu plano de redes sociais, você irá precisar:

  • Criar metas e objetivos nas redes sociais: criar metas específicas, mensuráveis, realísticas, relevantes e com prazo definido. Baseie suas metas em métricas que irão ter um impacto real em seu negócio, como adquirir novos consumidores ou aumentar sua taxa de conversão – e não em dados como curtidas ou comentários.
  • Pesquisar a concorrência: o que seus concorrentes estão fazendo em seus canais de mídias sociais? Mesmo que a ideia não seja copiá-los, aprender com os outros pode ser ótimo para diminuir a curva de aprendizagem. Uma análise competitiva e observar as estratégias pode lhe dar muitos insights sobre o que funciona e o que não funciona para negócios como o seu.
  • Faça uma auditoria das redes sociais: se você já está utilizando as redes sociais, esta é a hora de dar um passo atrás e avaliar o que você fez até o momento. Como parte da sua auditoria, pesquise também por contas falsas que podem estar roubando seu destaque. Uma boa dica pode ser utilizar um template de auditoria de redes sociais para guia-lo no processo.
  • Encontre inspirações: você deu uma olhada no que os seus concorrentes estão fazendo online. Mas e os outros negócios? Busque inspiração no sucesso de pequenas empresas de todas as áreas. E onde você consegue encontrar histórias de sucesso? Vá para a área de negócios das redes sociais e você encontrará cases de sucesso. Também é uma boa ideia perguntar a seguidores o que eles gostariam de ver mais – e então entregar a eles exatamente o que eles pediram.
  • Crie um calendário de redes sociais. Um calendário de redes sociais irá ajuda-lo a postar o conteúdo correto na rede social certa no momento certo. Seu calendário deve inclui um plano para um mix de conteúdo. Tente começar com a regra 80-20: use 80% do seu conteúdo para informar, educar ou entreter sua audiência e 20% para promover sua marca ou vender seus produtos.

2. Decida quais plataformas utilizar

Não apenas presuma onde sua audiência passa seu tempo online. Seu instinto provavelmente diria para não investir no Facebook e focar no Instagram ou Snapchat se você está buscando falar com o público jovem, mas os dados mostram que 82% dos millennials ainda usam o Facebook.

como as gerações utilizam o Facebook

Dados demográficos podem auxiliá-lo a decidir; mantenha em mente que você pode utilizar redes sociais diferentes para alcançar diferentes audiências – ou para alcançar certas metas do seu negócio.

E lembre-se de que dados demográficos são apenas uma visão geral – e, claro, não se aplicam apenas a mídias sociais para pequenas empresas. É importante entender como alcançar sua audiência específica. Para isso, é necessário assegurar que você…

3. …Conheça sua audiência

Utilizar redes sociais para pequenas empresas permite que você possa selecionar sua audiência detalhadamente – mas primeiro é necessário entender quem é sua audiência. Compilando dados de seus atuais clientes e então analisando mais a fundo seu social media analytics, você pode desenvolver uma sólida imagem de quem está comprando de você e quem está interagindo online. E então você pode revisitar seu plano de redes sociais para incluir formas de alcançar pessoas como estas.

Um exemplo: a marca norte-americana Jimmy Beans Wool claramente entende que seu mercado é de pessoas que gostam de peças de crochê, na América do Norte. Mas quando a empresa começou, eles tinham acesso limitado a esse grupo enorme de pessoas. Eles possuíam uma lista de assinantes da newsletter, mas não era grande o suficiente para sustentar e crescer a companhia.

Quando Jimmy Beans Wool lançou seu primeiro serviço de assinatura para amostras e kits, eles utilizaram a audiência semelhante (lookalike audience) do Facebook para alcançar as pessoas que tinham as mesmas características de seus dedicados fãs que assinavam a newsletter. Os anúncios trouxeram mais de 1.000 assinantes em menos de dois dias – um resultado tao grande que a marca precisou pausar o anúncio por alguns dias para conseguir despachar os pedidos. Isso é um sinal concreto que a empresa compreende quem é sua audiência, e assim criou uma oferta que falou diretamente com seus desejos.

Percebemos, então, que usando marketing nas redes sociais, pequenas empresas têm o potencial de crescer como uma empresa multimilionária.

4. Construa relacionamentos

Um benefício único das redes sociais para pequenas empresas, comparado a outros canais, é que elas permitem que você fale diretamente com seus clientes e seguidores. Você pode construir relacionamentos com o passar do tempo, em vez de pedir para comprar seu produto logo de cara. Essa é uma das razoes pelas quais 93% das pessoas que seguem pequenas e médias empresas no Twitter planejam comprar destas companhias que seguem, de acordo com um relatório da própria plataforma.

Quando as pessoas interagem com o seu conteúdo orgânico ou seus anúncios você pode em seguida responder, ajudando a construir uma relação de confiança já nos estágios iniciais de uma recompensadora relação entre marca e consumidores. Grupos de Facebook são outra ótima forma de desenvolver uma comunidade, estabelecer relacionamentos e aumentar a lealdade à marca.

Usando canais sociais, você também pode desenvolver conexões e relacionamentos com outros empreendedores e influenciadores de seu nicho. Você acha que seu negócio é muito pequeno para trabalhar com influenciadores? Considere microinfluenciadores (influenciadores com a partir de 10.000 seguidores): eles podem ser incrivelmente efetivos por estabelecer confiança à marca e eles geralmente têm um preço acessível a pequenas empresas.

5. Expanda sua audiência

Uma vez que você tenha dominado seu nicho de mercado original, você pode usar ferramentas sociais pra alcançar novas audiências.

Por exemplo, a marca de suplementos nutricionais GoSupps começou como um pequeno negócio nos Emirados Árabes. Sua audiência inicial era composta primariamente de bodybuilders. Para fazer com que a empresa crescesse, a GoSupps precisou expandir sua audiência para um público mais geral de esportes e fitness.

Utilizando as opções de público-alvo do Facebook, a empresa conseguiu alcançar novos potenciais clientes que tinham interesse em saúde e fitness. A campanha resultou em um retorno 4x maior do que investido, e a marca aumentou sua quantidade de fãs na plataforma para mas de 97 mi. Por mais que a empresa ainda tenha forte foco na sua audiência original (bodybuilders), ela também posta conteúdos com apelos mais amplos.

Exemplo de post - redes sociais pequenas empresas

6. Compartilhe recursos visuais atraentes sempre que possível

As pessoas esperam que postagens de redes sociais tenham componentes visuais. Segundo uma pesquisa do Twitter, as pessoas têm uma tendência três vezes maior de interagir com tweets que tenham elementos visuais como vídeos, imagens, infográfico ou GIFs.

Imagens em redes sociais levam a ações no mundo real, também. Metade dos millenials planejam ou visitam restaurantes baseados em imagens ou vídeos compartilhados nas redes sociais.

Instagram, Pinterest e Snapchat são as redes sociais mais visuais. Se seu conteúdo visual não está legal, ninguém vai rolar a tela para ler o que você tem a dizer.

Alguns produtos são mais visualmente atrativos do que outros. Mas mesmo que você não esteja vendendo produtos que ficam bem em qualquer foto, é importante usar a imaginação para que seus posts tenham engajamento. Para a área de serviços, particularmente, pode ser um desafio. Mas todos os tipos de serviços podem contar histórias através de fotos e vídeos. Talvez você possa mostrar a cultura da sua companhia dentro de seu ambiente de trabalho, dia a dia dos funcionários, ou usar imagens para dar dicas de sua área de atuação, por exemplo.

Exemplo de posts para mídias sociais para pequenas empresas

Outra boa opção em termos de imagens quando falamos de redes sociais para pequenas empresas é a utilização de bancos de imagens. Há uma vasta quantidade de fotos grátis, de alta qualidade, que você pode utilizar nas suas postagens sem necessidade de atribuição ao autor. Alguns bancos de imagens grátis que você pode utilizar:

Ao optar por imagens de banco, verifique sempre a licença da foto em questão. Alguns websites fornecem imagem grátis mediante à citação da fonte. Usar imagens protegidas por copywriting sem pagar ou não dar créditos ao autor quando solicitado pode causar problemas legais – e nós aconselhamos fortemente que você não o faça.

A propósito, se você está buscando por GIFs, um bom local para procurar é no Giphy.

Social Media Twitter GIF - Find & Share on GIPHY

7. Foque na qualidade, não na quantidade

O grande número de opções de marketing em mídias sociais para pequenas empresas pode parecer complicado, mas você não precisa aderir a todos eles. É muito mais importante criar conteúdo de qualidade em alguns dos principais canais em que você realmente pode se conectar com seu público-alvo do que ter uma presença em todas as redes sociais.

Acima de tudo, certifique-se de que seus posts sociais ofereçam valor. Se tudo o que você faz é vender e vender, há pouca motivação para as pessoas seguirem você. Lembre-se de que marketing social tem a ver com a construção de relacionamentos. Seja humano. Seja honesto. Forneça ótimo conteúdo.

Isso é importante e você não pode fingir. De acordo com uma pesquisa, 86% dos consumidores dizem que a autenticidade influencia as marcas que eles gostam e apoiam.

Você não pode fazer tudo – e nem há motivos para tentar. Conecte-se com seu público nos lugares em que ele já está passando seu tempo on-line. Concentre-se em usar um ou dois canais sociais muito bem, pelo menos para começar. Depois de conseguir dominá-los, você pode construir com base no que aprendeu e expandir seus esforços.

8. Use as ferramentas certas

O segredo para o uso eficaz da mídia social é aproveitar as ferramentas que automatizam ou simplificam muito do trabalho. Existem muitas ferramentas para ajudar a aumentar sua produtividade, para que você possa aproveitar ao máximo o marketing das mídias sociais para sua pequena empresa sem ter uma grande equipe de mídia social.

  • Gerenciamento de engajamento: mídias sociais não são um sistema de transmissão – são plataformas de engajamento com seus clientes e fãs. Algumas ferramentas podem ajudar a centralizar todas as menções e mensagens direcionadas à sua empresa em um único painel, para que você possa responder sem precisar fazer login e todas as suas contas de redes sociais. Duas das plataformas mais utilizadas para isso são o Hootsuite e o Social Report.
  • Analytics: claro, cada plataforma de redes sociais tem seu próprio analytics. Mas ter todas as informações em um mesmo lugar pode lhe ajudar a ter uma visão mais ampla de seus resultados. Você pode utilizar ferramentas como o Brandwatch para isso.
  • Imagens: se design não é o seu ponto forte, uma boa ideia é dar uma olhada em ferramentas simples e efetivas que podem dar aquela força quando estamos falando de direção de arte. Tente utilizar o VSCO, o Piktochart ou o Canva.
  • Curadoria de conteúdo: pode ser uma grande dificuldade para um pequeno negócio criar novos conteúdos para compartilhar todos os dias. Curadoria de conteúdo (a arte de compartilhar posts de outros autores – com os devidos créditos, claro) pode ser uma ótima solução e uma forma de gerar valor para seus seguidores e mantê-los engajados.

9. Monitore e responda a todos

Nós já falamos sobre a importância de responder às pessoas que postam comentários ou questões nas suas redes sociais. Mas há ainda mais sobre engajamento do que apenas responder quando lhe perguntam algo.

Você precisa estar atento a todas as conversas que estão acontecendo sobre o seu negócio em outros locais virtuais além de sua própria fanpage ou caixa de comentários do Instagram – e responder quando for apropriado. Isso se chama social listening.

10. Agende seu conteúdo para ter tempo para engajamento

Já falamos sobre a criação de um calendário de conteúdo social no início deste post. Depois de criar o calendário, você pode criar suas postagens sociais com antecedência e usar as ferramentas de agendamento para publicá-las automaticamente no momento certo.

Isso permite que você dedique um bloco de tempo por dia ou por semana à criação de seu conteúdo social, em vez de torná-lo uma atividade que o afasta de outras tarefas ao longo do dia.

11. Acompanhe e refine seu desempenho   

Ao implementar sua estratégia de mídias sociais, é importante acompanhar o que funciona e o que não funciona para que você possa ajustar seus esforços e melhorar seus resultados. Todas as ferramentas de análise mencionadas acima oferecem uma excelente imagem de seus esforços sociais e podem ajudar você a rastrear as métricas que mais importam para você.

Quando você tiver uma imagem básica de como sua estratégia está funcionando, é hora de começar a procurar maneiras de obter resultados ainda melhores. Usando o teste A / B, você pode fazer pequenas alterações em sua estratégia que aumentam seu sucesso ao longo do tempo.

Não importa o quão pequena seja sua empresa: as mídias sociais podem ajudar você a se conectar melhor com seu público-alvo, alcançar novos clientes em potencial e aumentar o reconhecimento da sua marca. Se as possibilidades parecerem esmagadoras, comece pequeno.

Lembre-se: você não precisa fazer tudo. Tome uma abordagem focada – comece pequeno com uma ou duas redes principais e desenvolva seus esforços de marketing em mídia social ao longo do tempo.

Gerenciar estratégias em mídias sociais para pequenas empresas não precisa ser um bicho de sete cabeças. Porém, você pode terceirizá-la para uma agência de marketing digital, que fará desde o planejamento até o dia a dia do engajamento com os seus clientes, deixando-o livre para focar em seu negócio. Gostou da ideia? Conheça o serviço de gestão de redes sociais da Green Digital ou fale conosco agora.

Menu